sexta-feira, 1 de fevereiro de 2008

PREENCHA OS VAZIOS E ASSUMA O PODER (I)

Toda instituição, toda organização, toda empresa, todo núcleo possui vazios de poder. Espaços que não são de ninguém. Pense na sua igreja, no seu clube, na escola do seu filho, no condomínio, na universidade, na empresa. Imagine todos estes lugares ou somente a sua empresa e reflita sobre a enormidade de coisas a serem feitas cuja a responsabilidade não é de ninguém. Coisas a serem feitas que são empurradas de um departamento para o outro e que não possuem um dono. Coisas que seriam importantes, que seriam estratégicas, atitudes que poderiam gerar lucro e valor para a organização, mas que não são feitas porque não conseguem estar descritas como responsabilidade de nenhum dos cargos no organograma da empresa. Eu chamo isso de teoria dos vazios e o poder.Às vezes, alguém vai lá e preenche um desses espaços. Sem falar com ninguém, vai e resolve o problema. Não pergunta se é do seu cargo ou não. Simplesmente vai lá e faz. Arrisca, ousa, dá a cara pra bater, faz! E creiam, assume o poder. O poder vem da ocupação (em termos militares) e na vida corporativa isso não é tão diferente assim. Quem preenche espaços, conquista poder. Pense nisso e reflita se não há nada para ser feito - hoje, agora - que ninguém está fazendo. Não tem nada? Desculpe, mas olhando daqui a sua empresa parece um queijo suiço!

Nenhum comentário: