domingo, 10 de agosto de 2008

PERSONAL BRANDING. LEI NÚMERO 10. CONSTRUA ALGUMA COISA PARA SE ORGULHAR NA VIDA.

Minha última lei diz respeito a praticamente tudo o que discutimos até agora. Fazer alguma coisa para se orgulhar no futuro talvez seja a mola propulsora mais influente para qualquer virada na carreira e base para qualquer plano de marca pessoal. Uma grande visão lá na frente. Um grande objetivo capaz de mobilizar todas as nossas forças. Um grande objetivo capaz de nos tirar de nossas zonas de conforto. Uma grande visão aglutinadora de todos os nossos esforços.

Você já imaginou passar toda a vida produtiva sem ter construído nada para se orgulhar na velhice? Não sei como soa isso para você, mas para mim, a idéia de não construir nada diferente me incomoda muito.

Boa parte das pessoas não pensa muito sobre isso. Apenas toca a vida em frente. E, talvez esta seja, em boa parte, a razão das desilusões e de uma vida profissional que se estaciona entre o tédio e a mediocridade, na correria diária do mercado.

Não falo de nada excepcional (apesar de defender que devemos mirar sempre nas estrelas para alcançar as nuvens), mas de coisas que possamos no futuro nos orgulhar. Coisas que nos farão adentrar a velhice com a alma plena (sejam elas pequenas ou grandes)e essencialmente coisas que vão nos orgulhar por tê-las realizado.

Esse é o sentido maior em construir uma marca pessoal. Essa é a essência do gerenciamento de uma marca: um motivo. Um motivo que faz você sair da cama de manhã. Um motivo que faz você encarar obstáculos. Um motivo que lhe move pra frente quando tudo resolve lhe puxar para trás. Um motivo que carrega prazer. Um motivo que revela sonhos. Um motivo grande ou pequeno. Um motivo. Você já tem o seu?

Nenhum comentário: